O Partido Verde (PV) realizou, na manhã do último sábado (1), no plenário da Câmara de Vereadores de Santarém, o seu encontro regional com a participação de lideranças comunitárias, filiados do partido, simpatizantes e convidados, além de representantes do PV de municípios da região Oeste do Pará. O encontro foi presidido pelo vereador Valdir Matias Jr., presidente do diretório municipal do PV, e tratou das diretrizes do partido para os próximos anos, o fortalecimento da legenda no Estado e, principalmente, no Baixo Amazonas, onde pretende-se lançar nomes para a disputa aos cargos de deputados estadual e federal em 2018. O evento contou ainda com a presença de Danilo Alho, da Fundação ‘Herbert Daniel’, e Cristina Vasconcelos, presidente do PV Mulher, ambos também fazem parte da Executiva Estadual. Além deles, Walfredo Marques, que coordena o partido no município de Itaituba.

Após o presidente Valdir Matias Jr., iniciar a abertura da pauta do encontro, Danilo Alho, proferiu uma breve palestra sobre a Declaração de Liverpol, que tratou das tendências perturbadoras e perigosas enfrentadas pelo mundo diante da ameaça das mudanças climáticas que podem afetar de forma irreversível o meio ambiente. Ele também falou das políticas públicas que o PV trabalha em todo o país. “O PV está presente em 135 países. Hoje. nós tratamos aqui no que o nosso partido está pensando para o mundo, em relação ao meio ambiente, democracia, direitos sociais, mudanças climáticas, ecologia e a paz mundial. Isso é a base para que a democracia seja estabelecida com qualidade no município, no estado e no país”.

Danilo Alho destacou que, neste primeiro momento, o PV está fortalecendo suas bases regionais para desenvolver e o foco é um só: união. Segundo ele, a região oeste do Pará necessita de nomes que sejam os legítimos representantes do partido na Assembleia Legislativa e até na Câmara Federal. “Nós vamos aguardar a definição das regras política para a próxima eleição. Depois, vamos voltar a caminhar no estado para avaliar quem serão nossos candidatos a deputado estadual e federal. Santarém tem potencial de votos. O Valdir Matias Jr., por exemplo, tem um potencial muito grande; é um vereador de quarto mandatos consecutivos e tem tudo para ser uma nova liderança nesta região”, observou Danilo Alho.

A participação da mulher na política foi um dos temas do encontro regional do PV.

Cristina Vasconcelos, que representa a ala feminina do partido, explicou que a participação da mulher ainda é pequena. “Estamos percorrendo o estado para tentar envolver as mulheres na política. Nós precisamos fazer o empoderamento feminino. A mulher hoje ocupa tantos espaços na sociedade, exercendo funções que antes eram restritas aos homens. E por que elas ainda não estão envolvidas mais na política. A mulher traz um pensamento diferenciado e junto com os homens, nós podemos fazer uma política mais igualitária. O PV conta apenas com uma deputada federal e poucos vereadores. Nós queremos em 2018 fazer a diferença lançando bons nomes femininos que representem nossa categoria”, disse.

Por sua vez, o presidente municipal do PV, Valdir Matias Jr., explicou que o encontro teve como finalidade promover a capacitação dos filiados do partido, debates sobre o desenvolvimento sustentável, respeitando os recursos naturais, de fauna e flora, para que se pensem em cidades voltadas para o cidadão. “Muitas das vezes, nós estamos fazendo políticas públicas apenas voltadas para o carro, para a infraestrutura, para a urbanização e esquecendo o cidadão. A qualidade de vida do cidadão vem através do desenvolvimento sustentável. Um bom saneamento, transporte público, educação, acesso à saúde de qualidade. É isso que o PV tem colocado. Mais do que essa discussão apequenada de direita e esquerda, essa briga de partido políticos que ocorre no país, é você pensar o país, o mundo de forma global. Esse encontro serviu para isso, apresentar as nossas propostas”, completou o líder do PV em Santarém.

O morador do bairro Diamantino Francisco das Chagas Castro, que é filiado do PV há 15 anos, trocou o sábado de folga com a família para prestigiar o encontro regional do PV. Para ele, é importante que os moradores se envolvam mais nas questões políticas para tentar mudar esse cenário de crise política. É importante, segundo ele, que o cidadão tome conhecimento do que ocorre ao seu redor para fundamentar seus questionamentos e conhecimentos para então direcionar suas cobranças às autoridades. “Eu sou filiado do PV há 15 anos e sempre busco participar, me envolver, saber do que estão tratando para então cobrar e exigir meus direitos como cidadão. O PV, no meu ponto de vistam, é um dos poucos partidos sérios deste país e vale sempre a pena participar”, disse o morador.

O representante do Partido Verde em Itaituba, Walfredo Marques, parabenizou a iniciativa do PV em promover encontros desta natureza e ficou muito satisfeito com os debates. Em Itaituba, de acordo com ele, o PV está em franco crescimento e a exemplo das outras cidades, também se reforça e se fortalece de olho nos próximos pleitos. “Nós já participamos de duas eleições municipais e vamos nos fortalecer para que em 2018 possamos ter um representante na Assembleia Legislativa e no Congresso, mas isso só será possível se conseguirmos trabalhar por este fortalecimento conjunto”, disse.